sexta-feira, 27 de março de 2015

Policia Civil de Macaíba apreende mais um adolescente participante da morte do empresário Junior Borges.


Policiais Civis da delegacia de Macaíba apreenderam na tarde desta Sexta-feira (27) mais um adolescente de 16 anos, acusado de ter participação na morte do empresário Junior Borges, assassinado a tiros dentro do seu estabelecimento comercial no dia 18 de Março 2015, no centro de Macaíba. De acordo com o delegado Normando Feitosa, o adolescente apreendido estava escondido no interior e devido ao trabalho de investigação, o adolescente resolveu se apresentar durante a tarde na delegacia do município. Contra o adolescente, já existia um mandado de busca e apreensão, pois, o  adolescente foi o condutor da moto no dia da morte do empresário. O adolescente se encontra apreendido e ficara a disposição da justiça. 

Fonte: CONNECTTV

Suspeitos de assalto a correios de São Miguel colidem carro durante fuga

                                        FOTO: CEDIDA

A polícia está realizando buscas na tentativa de prender um homem suspeito de assaltar os correios da cidade de São Miguel do Gostoso, município localizado no litoral Norte do Estado. Depois do crime o homem e uma comparsa fugiram usando um veículo roubado, mas acabaram colidindo o carro em um poste na estrada. De acordo com a polícia a mulher ainda não identificada, se feriu e acabou presa.

Várias viaturas da região estão em diligências, assim como aeronaves da Força Nacional e Polícia Rodoviária Federal que realizam sobrevoos em toda BR 101 Norte. Informações também repassadas pela polícia dão conta que o suspeito em fuga está em uma motocicleta. A mulher presa foi conduzida ao pronto socorro e em seguida a delegacia da cidade de Touros.

Fonte: Portal BO

Equipes localizam corpo de pedreiro sugado por tubulação em Mãe Luíza

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil, que realizam o trabalho de buscas em Mãe Luiza, encontraram o corpo do pedreiro Kleberson dos Santos, de 37 anos, na noite desta sexta-feira (27). De acordo com o diretor de Departamento de Defesa 
Civil de Natal, Eugênio Soares, os profissionais estão estudando a melhor forma para a retirada do corpo. 

Alex Régis

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil encontraram o corpo na noite desta sexta-feira

Na noite de ontem, um equipamento de hidrojato foi usado na direção do posto de visitação (PV) 4 ao 5 para auxiliar no trabalho de buscas. Hoje, o terreno estava mais sedimentado após a diminuição das chuvas, e máquinas voltaram a ser usadas para a remoção de terra entre a rua Guanabara e o PV 5. 

Kleberson desapareceu no início da tarde do último sábado (21), após ser sugado pela tubulação enquanto tentava desobstruir uma boca de lobo para passagem de água da chuva. Desde então, equipes dos Bombeiros, Defesa Civil, da Caern e da construtora que trabalha nas obras de recuperação do bairro trabalhavam nas buscas.

Fonte: Tribuna do Norte

Polícia cumpre mandado de busca e apreensão na casa de Thiago Potiguar

                                               FOTO: CEDIDA

Policiais civis da delegacia Especializada de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas, a de Capturas e da 1ª Delegacia da cidade de Parnamirim, cumpriram na tarde desta sexta-feira (27), nobairro Vale do Sol, em Parnamirim, um mandado de busca e apreensão na casa do jogador do clube Palmeira Jonatas Thiago da Silva Lima, de 22 anos. O atleta está preso desde o início da semana suspeito de participar de um assalto na casa de praia de um casal de policiais civis no mês de fevereiro. O fato ocorreu na praia de Barreta.

De acordo com informações repassadas por fontes da polícia, durante as primeiras buscas as equipes encontraram nove munições de revólver no quarto do jogador, o material foi recolhido para averiguação. O pai do atleta o senhor Paulo Sérgio acompanhou o trabalho da polícia e disse a reportagem do PortalBO que acredita na inocência do filho e vai provar. 

“Certamente armaram contra meu filho ele sempre foi um menino de bem e jamais se envolveria em uma coisa dessa. Estou inclusive organizando uma manifestação juntamente com amigos e a família para pedir justiça”, disse.

As vítimas do assalto na praia de Barreta, assim como outra que teve a casa invadida na zona Sul de Natal, continuam afirmando que Thiago Potiguar, como é mais conhecido o suspeito, participou das ações criminosos acompanhado de outras pessoas. Além do jogador outros dois homens também se encontram presos.

Fonte: Portal BO

Acidente com vitima fatal na RN 177, trecho que liga Francisco Dantas a Portalegre/RN

Um acidente entre uma motocicleta e provavelmente um carro deixou uma pessoa morta na manhã desta sexta-feira (27), trecho que liga o município de Francisco Dantas a Portalegre/RN, na Região do Alto Oeste do Rio Grande do Norte.



Nossa Pau dos Ferros

DEICOR PRENDE MULHER DE ASSU E MAIS QUATRO ACUSADOS DA TENTATIVA DE ASSALTO AOS CORREIOS DE FERNANDO PEDROZA

Policias civis da Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor) prenderam em flagrante Francisco Josenildo da Silva, Thalyson Jeymes de Moura Severino, Nadja Patrícia da Silva e apreenderam uma adolescente acusados de terem tentado roubar uma agência dos Correios em Fernando Pedroza, na tarde de ontem quinta-feira (26). No momento em que eles foram abordados pela Polícia Civil usaram uma criança, de apenas quatro anos, como escudo humano. 
O núcleo de inteligência da Polícia Civil (NIP) tinha a informação de que a agência seria alvo de uma dupla que iria cometer o crime e que chegariam em uma motocicleta. Segundo a delegada ajunta da Deicor, Danielle Filgueira, uma equipe da Especializada dirigiu-se até a cidade com o intuito de monitorar a ação criminosa. “ Verificamos a dupla chegando à agência e um dos homens não conseguiu entrar no local porque o segurança percebeu uma atitude suspeita e segurou a porta. Logo após, a dupla saiu na motocicleta e nossos policiais começaram a perseguição”, contou a delegada.
Quando a Polícia Civil pediu que os homens parassem, Humberto de Silva Souza começou a atirar contra a equipe da Deicor, sendo alvejado e vindo a óbito em um hospital. O outro empreendeu fuga e foi monitorado pela Especializada até ser resgatado pelo restante do grupo que estava em um Gol de cor branca.
“Sabíamos a rota do veículo e interceptamos o Gol. No momento da abordagem eles usaram a criança como escudo e para despistar suspeitas. Dentro do carro estavam Francisco Josenildo da Silva e Nadja Patrícia da Silva, que são casados, Thalyson Jeymes de Moura Severino, a adolescente e a criança”, detalhou a delegada. Foi descoberto que parte do grupo, ficava no mato, dando apoio aos comparsas que estavam pela cidade.
A ação policial também resultou na apreensão de dois revólveres calibre 38 e de diversos aparelhos celulares. Entre os crimes cometidos pelo grupo estão associação criminosa, favorecimento real e corrupção de menores. Thalyson Jeymes também responderá pelo crime de porte ilegal de arma de fogo. Os acusados já respondem a outros crimes na Justiça. “Estamos trabalhando para que outros autores de mais crimes sejam identificados e presos”, frisou o delegado geral da Polícia Civil, Stenio Pimentel.

Postagem Focoelho

Polícia registra dois homicídios na Grande Natal

Do G1 RN

Dois homicídios foram registrados na região metropolitana de Natal na noite desta quinta-feira (26). Segundo a Polícia Militar do Rio Grande do Norte, não há informações sobre os suspeitos dos homicídios.

Odilon de Assis Machado Júnior, 22 anos, foi assassinado a tiros em Ceará-Mirim, na Grande Natal. O crime aconteceu na rua do Carrasco. De acordo com a PM, a vítima estava na companhia de outro jovem de 18 anos, que foi atingido pelos tiros e foi socorrido pelo Samu. Odilon morreu no local.

Em São Gonçalo do Amarante, o crime aconteceu por volta das 23h30. A vítima foi identificada como Jadson Fernandes dos Santos, de 18 anos. Ele foi alvo de disparos de arma de fogo, foi socorrido por uma equipe do Samu, mas morreu dentro da ambulância.

Ministério Público investiga ameaças gravadas em ‘rap’

Ricardo Araújo
Repórter Tribuna do Norte

A Promotoria de Justiça de Nísia Floresta e o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) vão instaurar inquérito para apurar as ameaças feitas por um preso da Penitenciária Estadual de Alcaçuz à diretora da unidade, Dinorá Simas, e ao juiz de Execuções Penais, Henrique Baltazar Vilar dos Santos. Na tarde de ontem, as promotoras Ana Jovina de Oliveira Ferreira e Patrícia Antunes coletaram o depoimento do detento Jacson Henrique Medeiros Santos, de 19 anos, apontado como o autor da música que, na sua letra, insulta os agentes públicos e os ameaça de morte. 

Júnior Santos

Jacson: ‘Eu coloquei minha revolta no som. Mas eu não ia matar”

O vídeo, gravado dentro do Pavilhão 1 da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, circula em grupos de redes sociais desde a tarde da quarta-feira passada. Desde então, agentes penitenciários realizaram uma varredura nos arquivos da unidade prisional e, através das imagens dos presidiários, identificaram o ‘cantor’. Jacson Henrique Medeiros Santos cumpre pena por assalto e tentativa de assalto há menos de um ano em Alcaçuz. À TRIBUNA DO NORTE, com exclusividade, ele relatou que estava sob o efeito de drogas e não sabia que estava sendo gravado.

“Eu não fiz aquele vídeo. Filmaram sem minha permissão”, relatou enquanto aguardava ser chamado para prestar depoimento às promotoras. Além do apenado, elas ouviram agentes penitenciários e a própria Dinorá Simas. Entretanto, não detalharam absolutamente nada sobre os próximos passos da investigação. 

“Não posso comentar nada. O que nós viemos fazer aqui você já sabe”, disse a coordenadora do Gaeco, Patrícia Antunes. Para as promotoras, um esquema de segurança com sete homens foi disponibilizado para o acompanhamento da oitiva na penitenciária. O número de seguranças à disposição das duas promotoras era, inclusive, maior que o de agentes penitenciários de plantão em Alcaçuz ontem – seis.

Até ontem, os responsáveis pela gravação do “rap” e da divulgação do vídeo não haviam sido identificados. O apenado Jacson Henrique Medeiros Santos confirmou que o “rap” foi feito de improviso durante uma comemoração interna dos presos do Pavilhão 1, que comemoraram a rebelião e os atentados aos ônibus em Natal. 

“Foi depois da rebelião. Eu tava na lombra e a gente tava cantando no pavilhão e bebendo pra comemorar”, relatou o preso. Jacson Henrique disse que se inspirou na “repressão do sistema” e fez o “rap”. ‘Eu coloquei minha revolta no som. Mas eu não ia matar Dinorá nem o juiz. Já pedi desculpa a ela. Eu tive um choque quando vi o vídeo na televisão”, afirmou Jacson Henrique.

Sobre a ameaça, a diretora da maior casa carcerária do estado, Dinorá Sima, se disse tranquila. “Sinceramente, não senti medo. Passei a informação para os meus superiores para a tomada de providências. As ameaças sempre irão existir. Mas eu me previno”, comentou Simas. Questionada sobre os motivos pelos quais é tão comum encontrar celular em poder de presos nas detenções, ela destacou que a falta de equipamentos e mão de obra humana dificulta as revistas e o controle geral da penitenciária. 

O juiz Henrique Baltazar disse que, como ameaçado, não poderá atuar no processo. Mas demonstrou tranquilidade. Ele e Dinorá contam com um esquema reforçado de segurança desde os últimos acontecimentos nas unidades prisionais.

Ao longo da reforma pela qual está passando o Pavilhão 4 de Alcaçuz, parcialmente destruído pelas rebeliões, inúmeros aparelhos celular, chips e facas foram encontrados no teto, escondido entre as telhas. Sem máquina de raio-x há mais de dois anos, somente um portal de detecção de metal é usado em Alcaçuz para minimizar a entrada de ilícitos na unidade. 

“Esperamos receber um aparelho de raio-x moderno do Depen em breve. A Polícia Federal se comprometeu a nos doar outra máquina também”, comentou Dinorá Simas. Desde sua fundação, no final da década de 1990, Alcaçuz nunca dispôs de um aparelho bloqueador de funcionamento de aparelhos celular.

Na calçada: dois jovens são baleados em Ceará-Mirim

20150326_203350
A cidade de Ceará mirim voltou a ser palco da violência. Um jovem foi morto e outro foi baleado e está estado grave no hospital.

Odilon de Assis Machado Júnior, 23 anos, estava com um amigo na calçada de casa, no bairro do Carrasco, por volta das 19:30h, quando foi surpreendido pelos disparos. Dois homens em uma motocicleta dispararam várias vezes contra as vítimas.

Odilon não resistiu e morreu no local. Já o amigo dele foi socorrido em estado grave para o Hospital Clóvis Sarinho.

Fonte: 190RN

CRIME DE HOMICÍDIO EM CARAÚBAS-RN,MUSICO É EXECUTADO POR DISPAROS DE ARMA DE FOGO

Um jovem foi morto ao ser atingido por vários disparos de arma de fogo no centro da cidade de Caraúbas, no interior do Estado do Rio Grande do Norte, por volta das 21:03hs na noite desta quinta-feira, dia 26 de março de 2015. O ocorrido foi no centro da cidade, onde a vítima identificada como Bruno Sales, de 32 anos, conhecido por Bruninho Manteiga, costumava está sentado com os amigos, na esquina da Farmácia de Bonifácio, nas proximidades do Centro deSaúde “Dr. João Marinaldo de Holanda”. Dois indivíduos, em uma motocicleta se aproximaram, quando o garupa desceu e efetuou quatro disparos de arma de fogo, após ser atingido, a vítima tentou fugir, porém, o indivíduo subiu na moto e nas proximidades do Supermercado Queiroz, efetuou mais quatro tiros contra a vítima. Segundo informações, Bruninho Manteiga foi socorrido por populares para o Hospital Regional Dr. Aguinaldo Pereira da Silva, porém, já deu entrada sem vida. A motivação do crime ninguém soube informar. A vítima era músico percussionista da banda Amaré Do Brasil, não era usuário de droga e não consumia bebidas alcoólicas. Ainda de acordo com informações, Bruninho Manteiga não tinha inimigos aparentemente. A polícia da 3ª Companhia de Polícia Militar de Caraúbas, encontra-se em diligência, no entanto, até o momento não foi encontrado os suspeitos. O caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Caraúbas, que tem a frente, o Delegado Dr. Erick Gomes. Com a morte de Bruninho Manteiga, já é o segundo homicídio neste ano de 2015 em Caraúbas.

Fonte: Passando na Hora

UM BANDIDO MORTO E OUTRO BALEADO EM CONFRONTO COM A POLÍCIA DURANTE TENTATIVA DE ASSALTO AOS CORREIOS DE FERNANDO PEDROSA RN

Uma tentativa de assalto a agência dos correios de Fernando Pedrosa e Angicos simultaneamente, resultou na morte de um dos assaltantes, e outro possivelmente baleado, fato ocorrido durante a tarde desta quinta feira, 26 de março de 2.015, durante troca de tiros com a Polícia Civil e Polícia Militar daquela região. De acordo com as primeiras informações, os bandidos planejaram os assaltos, mas o plano teria sido descoberto pela polícia, que mantou campana na cidade de Fernando Pedrosa, a espera dos bandidos. Por volta das 14 horas e 30 minutos, os bandidos chegaram a cidade, se dirigiram a agência, momento em que os funcionários que já haviam sidos informados pela polícia, fecharam as portas da agência, deixando-os em via pública. Com à aproximação da polícia, os assaltantes que estavam de motocicleta empreenderam fuga, efetuando disparos contra os policiais. Houve o revide, tendo um dos deles tombado morto, e o outro conseguiu fugir e adentrar em um matagal, onde está sendo procurado pela polícia, informações que já baleado. Existem informações que um dos disparos efetuados pelos assaltantes por pouco não atingiu a cabeça do policial que conduzia a viatura. O bandido que morreu no confronto armado, conhecido como gordo, era acusado de ter participado do assalto a Agência dos Correios de João Câmara. O Itep não fez a perícia no local nem a remoção do corpo para a base em Mossoró, porque teriam retirado o corpo do local. O corpo deve ser removido para a base do órgão por uma agência funerária, ou uma ambulância do município. 

Fonte: Passando na Hora

Comerciante é assassinado na colônia de Pium

Sérgio Costa/Portal BO 
                         FOTO: SÉRGIO COSTA / PORTAL BO

Um comerciante de 44 anos identificado como Luzinaldo Dantas de Oliveira foi assassinado na noite desta quarta-feira (25), na comunidade Colônia de Pium, zona rural do município de Nísia Floresta. “Naldo”, como era mais conhecido, estava dentro de uma residência com a namorada quando foi surpreendido pelo assassino, que chegou a entrar em luta corporal com a vítima antes de atirar quatro vezes. A mulher disse a polícia que estava no banheiro no momento do crime, ouviu o barulho dos disparos, mas não viu o suspeito.

De acordo com o sargento Moreira, lotado no do 3º batalhão, a vítima era proprietário do “Bar do “Naldo” e tinha comprado uma pequena casa na Colônia de Pium onde se encontrava com a namorada frequentemente. O policial relatou que o assassino entrou na residência onde estava o casal, brigou com o comerciante, atirou e fugiu. “Tomamos conhecimento que a vítima ainda pediu socorro aos vizinhos, mas morreu em seguida devido aos ferimentos”, disse.

Os policiais da Delegacia Especializada de Homicídios, que estiveram no local a fim de colher o máximo de informações, ouviram preliminarmente a namorada de “Naldo’’, a mulher que não teve o nome revelado informou que no momento da chegada do suspeito ela estava no banheiro e por esse motivo não viu o momento do crime. O relatório realizado pela Dehom será apresentado ao delegado da cidade de Nísia Floresta que irá presidir o inquérito que investigará a morte do comerciante.

UM MORTO A TIROS E OUTRO BALEADO NA CIDADE DE BARAÚNA RN.

A cidade de Baraúna no RN, divisa com o estado do Ceará, tem apresentado sinais visíveis de violência, com o registro de vários crimes de homicídio somente este ano. Ao início da noite desta quinte feira, 26 de março de 2.015, por volta das 18 horas e 15 minutos, mais uma pessoa foi morta a tiros,e outra baleada, foto ocorrido na Rua do Horto Florestal, na área central da cidade. Informações que um jovem de nome Cosmo Thalyson da Silva 18 anos de idade, que era mais conhecido na cidade como "Machadinho", foi alvejado com disparos de arma e fogo, vindo a óbito no localdo evento criminoso. Outro indivíduo que estava no local, de nome Elenilson de Aquino Macêdo, de 25 anos de idade, natural de Mossoró, residente em Baraúna, empreendeu fuga correndo e terminou sendo alvejado no ombro com um tiro transfixante. Foi conduzido para o Hospital Tarcísio Maia em Mossoró. Os disparos de acordo com as primeiras informações, teriam sido efetuados por dois elementos não identificados, que trafegavam em uma motocicleta. "Machadinho" segundo informações da própria polícia, tinha passagens por delegacias, e era usuário de drogas, acusado da práticas de furtos e roubos na cidade, e antes de morrer teria praticado dois assaltos na cidade. O crime será investigado pelo Dr. Cícero, delegado de polícia civil da cidade, juntamente com a equipe dele. O Itep foi acionado para fazer a perícia no local, e a remoção do corpo para a base em Mossoró, para ser examinado pelo médico legista de plantão, e em seguida ser entregue aos familiares para o sepultamento. Os criminosos fugiram após a prática do ato criminoso, e estão sendo procurados pela polícia. 
                         Elenilson. Baleado no ombro. Tiro Transfixante

Postagem Passando na Hora

Rodolfo Fernandes: quadrilha arromba agência do Banco Bradesco e viola caixa eletrônico.

                       Agencia que foi alvo da ação criminosa

Na madrugada desta quinta-feira (26/03), por volta das 02:20hs, uma quadrilha formada por seis elementos arrombou e invadiu a agencia do Banco Bradesco da cidade de Rodolfo Fernandes, no alto oeste potiguar.

Segundo informações do Cabo Edimar, comandante do Destacamento de Policia Militar de Rodolfo Fernandes, a quadrilha antes de arrombar a agência bancaria, foi ate o hospital municipal da cidade, que fica a poucos metros, e fizeram de refém o guarda municipal, e varias outros funcionários daquela unidade hospitalar. “Eles renderam o pessoal do hospital com o objetivo de ganhar tempo na ação criminosa, uma vez que estes poderiam ter ligado para a PM na hora em que os elementos estavam violando o cofre”, relatou o Cabo Edimar.

Segundo um funcionário que estava no hospital e foi feito refém, os elementos estavam armados com pistolas calibre .40, e espingarda calibre 12. “fomos rendidos e colocados em uma sala, eles levaram os nossos celulares, e por volta das 02:40hs eles saíram da unidade, mas tivemos medo de sair, esperamos um pouco, e la pelas 03:00hs, conseguimos sair da sala e avisar a policia do que tinha acontecido”, relatou o funcionário do hospital.

Os elementos fugiram em dois veículos, um do modelo Gol de cor prata, e o outro um Fiat Uno de cor cinza. Varias viaturas das cidades vizinhas fizeram diligencias na tentativa de localizar a quadrilha, mas ate o momento não obtiveram êxito.

Segundo a PM aparentemente os elementos conseguiram levar todo o dinheiro do caixa eletrônico , que foi violado com o auxilio de um maçarico, mas essa informação só vai ser confirmada, após a realização da pericia, que será feita por uma equipe do ITEP. A policia militar esta isolando o local ate a chegada de uma equipe do ITEP para a realização dos procedimentos cabíveis.

Fotos: Cabo Edimar 

F5 Apodi/Sentinelas do Apodi

Adolescente é morto em quintal de residência na zona Oeste

            Sérgio Costa/ Portal BO
                                                     FOTO: CEDIDA

Um adolescente e 16 anos identificado como Maycon Tavares de Lima, foi assassinado na noite desta quarta-feira (25), na Rua Padre Cícero, no bairro Felipe Camarão, zona Oeste da capital. De acordo com a polícia a vítima foi perseguida por dois homens, entrou no quintal de uma residência, mas acabou alvejado pela dupla.

Segundo o sargento J. Oliveira, policial do 9º Batalhão, o fato ocorreu por volta da 21h o adolescente estava na frente de casa quando percebeu que seria alvo dos criminosos e correu. “A tentativa d fugir da morte foi desesperada, ele ainda pulou alguns muros, mas chegou um momento que não deu mais, disse.

As razões para o crime ainda são desconhecidas, nenhuma informação oficial foi relatada na ocasião das investigações preliminares feitas pela equipe da Polícia Civil, no entanto algumas pessoas serão ouvidas no decorrer do inquérito policial. Os suspeitos do homicídio conseguiram fugir do local e devido o medo, os moradores preferiram o silêncio quando indagados pelos investigadores da Dehom.