sexta-feira, 31 de outubro de 2014

CRIME DE HOMICÍDIO EM MOSSORÓ. JOVEM É ASSASSINADO POR DISPAROS DE ARMA DE FOGO NA RUA JUVENAL LAMARTINE

O Centro Integrado de Operações e Segurança Pública (CIOSP) Mossoró, registrou mais um crime de homicídio na cidade. Por volta das 18:40hs desta sexta-feira, 31 outubro 2014. A ação criminosa ocorreu na Rua Juvenal Lamartine próximo ao Colégio Felício de Moura, no bairro Santo Antônio em Mossoró. De acordo com as primeiras informações dois indivíduos em uma moto HONDA FAN de cor preta efetuaram disparos de arma de fogo atingindo a vítima identificado como Talisson Tairony Fagundes, 21 Anos de idade, mais conhecido como "Boy Thales".
De acordo com a equipe ALFA do SAMU, foi localizado pelo menos 3 disparos no corpo da vítima, mas só é possível identificar o número exato após a perícia do ITEP.
A Policia Militar ainda perseguiu os acusados que conseguiram fugir. Viaturas da PM fazem o isolamento da área aguardando a Polícia Civil e o ITEP.
Blog Passando na Hora 
Blog Passando na Hora 
Blog Passando na Hora 

Tentativa de Homicídio em Macaíba

Uma tentativa de homicídio ocorreu no final da manhã de hoje (31) na cidade de Macaíba. A vitima identificada por nome de Ivan Silva do Nascimento, mais conhecido por "Já Morreu", 25 anos, trabalha como servente de pedreiro e estava indo em direção a sua residencia para almoçar na rua Eloí de Souza, mais precisamente no beco de Argelina. Ainda de acordo com as informações repassadas para a nossa reportagem da CONNECTTV pela própria família, que o acusado chegou ir na casa de Ivan perguntando por ele, mais não estava, no momento que o acusado estava indo embora se deparou com a vitima e efetuou quatro tiros atingido Ivan com um tiro no braço e três nas costas. O mesmo foi socorrido pela ambulância do SAMU para o hospital Clóvis Sarinho. O "Trio dos Incansáveis" da Policia Militar, o Sargento Sales, SD Cruz I e SD Luiz afirmaram que o acusado já foi identificado e é questão de tempo para prender o mesmo.

Fonte: Connecttv

Polícia Militar prende quatro homens armados e com colete balístico em Extremoz

Quatro homens, fortemente armados, foram presos na tarde desta sexta-feira, 31, na cidade de Extremoz, região metropolitana de Natal,.

De acordo com o Capitão Couceiro, comandante do Pelotão, foi por volta das 15h a guarnição do 11º Batalhão abordou quatro homens que estavam transitando em um veículo tipo Corsa classic de cor branca, na entrada da cidade. Durante a abordagem, foi encontrado com eles dois revólveres calibre 38 municiados, um colete balístico e uma pistola .40 de uso restrito da Polícia Militar.

Os ocupantes, disseram que estariam indo assaltar uma construtora e depois iria executar um desafeto. Os quatro homens, de maior de idade, estão nesse momento na Delegacia Distrital de Polícia Civil da cidade para serem autuados.


Fonte: 190RN/Portal BO

Jovens mortos em confronto com a PM nas Quintas são identificados

Fonte: Portal BO  Fotos: Reprodução
Os quatro jovens mortos durante uma operação policial, nesta quinta-feira (30), foram identificados. Eles foram baleados ao reagirem à prisão, atiraram contra policiais, fugiram, mas foram baleados e capturados, quando estavam escondidos dentro de um mangue. Entre os mortos, está um adolescente de 16 anos.

Os mortos foram identificados como: Pablo Hamilton Silva Filgueira, de 20 anos; Joanilson do Nascimento, de 18 anos; Kleber Manoel Nogueira, de 30 anos; e o adolescente Pablo Naoan Soares da Silva, de 16 anos.

De acordo com a polícia, Kleber Manoel é o único que não era de Natal. Ele era da cidade de Assu. Os quatro estavam em uma casa no bairro das Quintas, onde a polícia apreendeu três pistolas, sendo uma pertencente à Polícia Militar, cinco revólveres e aproximadamente três quilos de maconha.

A ação se deu na rua Rio Potengi. Outros dois homens foram presos. A operação, que teve grande perseguição pelo mangue, contou com presença do BPChoque, BOPE, Corpo de Bombeiros e da equipe do Potiguar 01, helicóptero da Secretaria de Segurança, que auxiliaram no resgate.

Dois jovens são assassinados no Pajuçara

Fonte e Fotos: Sérgio Costa / Portal BO

Dois jovens foram mortos na noite desta quinta-feira (30), na Rua Tancredo Neves, no bairro Pajuçara, zona Norte de Natal. Isack Alves da Silva, de 19 anos, e Janderson do Nascimento Felício, de 17anos, conversavam na esquina quando foram surpreendidos por dois atiradores que chegaram em uma motocicleta. De acordo com testemunhas, que preferiram manter o anonimato, as vítimas depois de baleadas ainda tentaram correr, mas os atiradores agiram rapidamente usando duas pistolas.

Segundo o delegado Roberto Andrade, da Dehom (Delegacia Especializada em Homicídios), a polícia terá grandes dificuldades para elucidar o crime em curto tempo e o motivo é a ausência de testemunhas que possam depor. “Entendo que essa lei do silêncio é motivada pelo medo e esse medo não permite que as pessoas colaborem com a polícia, no entanto terei que intimar algumas pessoas para que possamos dar um norte nas investigações. A priori duas linhas são muito fortes, a questão da guerra do tráfico e de gangs rivais”, disse.

Os pais do adolescente Jandson do Nascimento estiveram no local do crime e revelaram para a polícia que o filho foi apreendido por porte ilegal de arma há dois meses e que vivia envolvido com pessoas erradas. O casal preferiu não conversar com a imprensa. O delegado ainda fez um pelo para quem puder ajudar a polícia nas investigações sobre o crime, ligar para o disk denúncia no telefone 181 ou o para o Ciosp, no 190.

PM prende dois durante operação para recuperar arma furtada de policial

Fonte e Foto: Sérgio Costa / Portal BO

A Polícia Militar prendeu dois homens, na tarde desta sexta-feira (31), na comunidade Vietnã, em Brasília Teimosa. Os suspeitos foram localizados durante uma operação para recuperar uma arma furtada de um policial militar. Bandidos levaram a bolsa do PM na qual estava a pistola ponto 40 da instituição.

A partir daí, os policiais fizeram o levantamento de quem seriam os suspeitos e foram até a comunidade Vietnã. Durante abordagem da Rocam e BPChoque, um homem acabou sendo preso por ser foragido da Justiça.

Outro homem foi identificado por testemunhas do furto como um dos autores do crime, com isso, acabou sendo levado para delegacia de Brasília Teimosa. A arma furtada do policial, no entanto, ainda não foi encontrada.

Ovelha, Lobos e Cães Pastores (Uma Reflexão apenas)...



OVELHAS, LOBOS e CÃES PASTORES: Autor: Dave Grossman, Ten Cel, Ranger, Ph.D., Autor de "On Killing"

Um veterano do Vietnã, um velho coronel da reserva, certa vez me disse: "A maioria das pessoas em nossa sociedade são ovelhas. Eles são criaturas produtivas, gentis, amáveis que só machucam umas às outras por acidente." 
Isso é verdade. Lembre que a taxa de assassinatos é de 6 por 100.000, por ano, e taxa de agressões sérias é de 4 por 1000, por ano. O que isso significa é que a esmagadora maioria dos norte americanos não são inclinados a machucarem uns aos outros.

Algumas estimativas dizem que dois milhões de americanos são vítimas de crimes violentos todo ano. Um números trágico, assustador, talvez um recorde em matéria de crimes violentos. Mas existem quase 300 milhões de americanos, o que significa que as chances de ser vítima de um crime violento ainda é consideravelmente menor que uma em cem, em qualquer ano. Ainda, como muitos dos crimes violentos são praticados pelas mesmas pessoas, o número real de cidadãos violentos é consideravelmente menor que dois milhões. 

Há um paradoxo aí, e devemos pegar ambos os lados da situação: Nós podemos estar vivendo a época mais violenta da história, mas a violência ainda é surpreendentemente rara. Isso é porque a maioria dos cidadãos são pessoas gentis e decentes que não são capazes de machucarem umas às outras, exceto por acidente ou sob provocação extrema. Elas são ovelhas.

Eu não quero dizer nada negativo quando as chamo de ovelhas. Para mim a situação é como a de um ovo de passarinho. Na parte de dentro ele é gosmento e macio, mas algum dia ele se transformará em algo maravilhoso. Mas o ovo não pode sobreviver sem sua casca dura. Policiais, soldados e outros guerreiros são como essa casca, e algum dia a civilização que eles protegem tornar-se-á algo maravilhoso. Por enquanto, eles precisam de guerreiros para protegê-los dos predadores.

"E então há os lobos", disse o velho veterano de guerra, "e os lobos alimentam-se das ovelhas sem perdão." Você acredita que há lobos lá fora que irão se alimentar do rebanho sem perdão? É bom que você acredite. Há homens perversos nesse mundo que são capazes de coisas perversas. NO INSTANTE EM QUE VOCÊ ESQUECE DISSO, OU FINGE QUE ISSO NÃO É VERDADE, VOCÊ SE TORNA UMA OVELHA. Não há segurança na negação.

"E então há os cães pastores", ele continuou, "e eu sou um cão pastor. Eu vivo para proteger o rebanho e confrontar o lobo."

Se você não tem capacidade para a violência, então você é um saudável e produtivo cidadão, uma ovelha. Se você tem capacidade para a violência e não tem empatia por seus concidadãos, então você é um sociopata agressivo, um lobo. Mas e se você tem capacidade para a violência e um amor profundo por seus conterrâneos? O que você tem então? Um cão pastor, um guerreiro, alguém que anda no caminho do herói. Alguém que pode entrar no coração da escuridão, dentro da fobia humana universal e sair de novo.

Deixe-me desenvolver o excelente modelo de ovelhas, lobos e cães daquele velho soldado. Nós sabemos que as ovelhas vivem em negação da realidade, e isso é o que as faz ovelhas. Elas não querem aceitar o fato de que há mal neste mundo. Elas podem aceitar o fato de que incêndios podem acontecer, e é por isso que elas querem extintores, sprinklers, alarmes e saídas de incêndio em tudo quanto é canto das escolas de seus filhos.

Mas muitas delas ficam ultrajadas diante da ideia de colocar um policial armado na escola de seus filhos. Nossos filhos são milhares de vezes mais suscetíveis a serem mortos ou seriamente feridos por violência escolar do que por fogo, mas a única resposta da ovelha para a possibilidade de violência é a negação. A ideia de que alguém venha matar ou ferir seus filhos é muito dura, então elas escolhem o caminho da negação.

As ovelhas geralmente não gostam dos cães pastores. Ele parece muito com o lobo. Ele tem dentes afiados e a capacidade para a violência. A diferença, no entanto, é que o cão pastor não deve, não pode e não irá nunca machucar as ovelhas. Qualquer cão pastor que intencionalmente machuque a ovelhinha será punido e removido. O mundo não pode funcionar de outra maneira, pelo menos não em uma democracia representativa ou uma república como a nossa.

Ainda assim, o cão pastor incomoda a ovelha. Ele é uma lembrança constante que há lobos lá fora. As ovelhas prefeririam que ele não lhe dissesse para onde ir, não lhe desse multas e nem ficasse nos aeroportos, com roupas camufladas e segurando um M-16. As ovelhas prefeririam que o cão guardasse suas garras e dentes, se pintasse de branco e dissesse: "Béé"

Até que o lobo aparece. Aí o rebanho inteiro tenta desesperadamente esconder-se atrás de um único cão. 

Os estudantes, as vítimas, na escola de Columbine eram adolescentes, grandes e durões. Sob circunstâncias ordinárias, elas nunca gastariam algum tempo de seu dia para dizer algo a um policial. Elas não eram crianças ruins, elas simplesmente não teriam nada a dizer a um policial. Quando a escola estava sob ataque, no entanto, e os times da SWAT estavam entrando nas salas e corredores, os policiais tinham praticamente que arrancar os adolescentes que se agarravam às suas pernas, chorando. É assim que as ovelhinhas se sentem quando a respeito de seus cães pastores quando o lobo está na porta.

Olhe o que aconteceu depois do 11 de setembro, quando o lobo bateu forte na porta. Lembram-se de como a América, mais do que nunca, sentiu-se diferente a respeito de seus policiais e militares? Lembram-se de quantas vezes ouviu-se a palavra "herói"?

Entendam que não há nada moralmente superior em ser um cão pastor; é apenas aquilo que você escolhe ser. Entendam ainda que um cão pastor é uma criatura esquisita. Ele está sempre farejando o perímetro, latindo para coisas que fazem barulho durante a noite, e esperando ansiosamente por uma batalha. Os cães jovens anseiam por uma batalha, é melhor dizer. Os cães velhos são mais espertos, mas ao ouvir o som das armas e perceberem que são necessários eles se movem imediatamente, junto com os jovens.

É aqui que as ovelhas e cães pensam diferente. A ovelha faz de conta que o lobo nunca virá, mas o cão vive por aquele dia. Depois dos ataques de 11 de setembro, a maior parte das ovelhas, isto é, a maioria dos cidadãos na América disse "Graças a Deus que eu não estava em um daqueles aviões". Os cães pastores, os guerreiros, disseram, "Meu Deus, eu gostaria de ter estado em um daqueles aviões. Talvez eu pudesse ter feito a diferença." Quando você está verdadeiramente transformado em um guerreiro, você quer estar lá. Você quer tentar fazer a diferença.

Não há nada de moralmente superior sobre o cão, o guerreiro, mas ele leva vantagem em uma coisa. Apenas uma. E essa vantagem é a de que ele é capaz de sobreviver em um ambiente ou situação que destrói 98% da população. 

Houve uma pesquisa alguns anos atrás com indivíduos condenados por crimes violentos. Esses presos estavam encarcerados por sérios e predatórios atos de violência: Assaltos, assassinatos e assassinatos de policias. A GRANDE MAIORIA DISSE QUE ESCOLHIA SUAS VÍTIMAS PELA LINGUAGEM CORPORAL: ANDAR DESLEIXADO, COMPORTAMENTO PASSIVO E FALTA DE ATENÇÃO AO AMBIENTE. Eles escolhiam suas vítimas como os grandes felinos fazem na áfrica, quando eles selecionam aquele que parece menos capaz de se defender.

Algumas pessoas parecem destinadas a serem ovelhas e outras parecem ser geneticamente escolhidas para serem lobos ou cães. Mas eu acredito que a maior parte das pessoas pode escolher qual dos dois eles querem ser, e eu estou orgulhoso de dizer que mais e mais americanos estão escolhendo serem cães.

Sete meses depois do ataque de 11 de setembro, Todd Beamer foi homenageado em sua cidade natal, Cranbury, Nova Jersei. Todd, como vocês se lembram, era o homem no vôo 93, sobre a Pensilvânia, que ligou de seu celular para alertar um operador da United Airlines sobre o sequestro. Quando ele soube que outros três aviões haviam sido usados como armas, Todd largou o telefone e disse as palavras "Let's roll" o que as autoridades acreditam que tenha sido um sinal para os outros passageiros para confrontar os sequestradores. Em uma hora, uma transformação ocorreu entre os passageiros - atletas, homens de negócios e pais - de ovelhas para cães pastores e juntos eles combateram os lobos, salvando um número indeterminado de vidas no chão.

"Não há salvação para o homem honesto, a não ser esperar todo o mal possível dos homens ruins." - Edmund Burke 

Aqui é o ponto que eu gosto de enfatizar, especialmente para os milhares de policiais e soldados para os quais falo todo ano. Na natureza, as ovelhas, as ovelhas de verdade, nascem assim. Cães nascem assim, bem como os lobos. Eles não têm uma chance. Mas você não é uma criatura. Você é um ser humano, e como tal pode ser o que quiser. É uma decisão moral consciente.

Se você quer ser uma ovelha, então você pode ser uma ovelha e está tudo bem, mas você deve entender o preço a pagar. Quando o lobo vier, você e as pessoas que você ama morrerão se não houver um policial por perto para protegê-lo. Se você quer ser um lobo, tudo bem, mas os pastores o caçarão e você não terá nunca descanso, segurança, confiança ou amor. Mas se você quiser ser um cão pastor andar no caminho do guerreiro, então você deve tomar uma decisão consciente DIÁRIA de dedicar-se, equipar-se e preparar-se para aquele momento tóxico, corrosivo, quando o lobo vem bater em sua porta.

Quantos policiais, por exemplo, levam armas para a igreja? Elas estão bem escondidas em coldres de tornozelo, coldres de ombro, dentro dos cintos ou nas costas. A qualquer hora em que você estiver no culto ou na missa, há uma boa chance que um policial na sua congregação esteja armado. Você nunca saberia se havia ou não um indivíduo assim em seu local de adoração, até que o lobo aparece para massacrar você e as pessoas que você ama.

Eu estava treinando um grupo de policiais no Texas e, durante o intervalo, um policial perguntou a seu amigo se ele levava a arma para a igreja. O outro respondeu "Eu nunca vou desarmado à igreja" Eu perguntei porque ele tinha uma opinião tão firme a esse respeito, e ele me contou a respeito de um policial que ele conhecia que estava em um massacre em uma igreja em Fort Worth, Texas, em 1999. Nesse incidente, uma pessoa desequilibrada mentalmente entrou na igreja e abriu fogo, matando quatorze pessoas. Ele disse que o policial acreditava que ele podia ter salvo todas as vidas naquele dia se ele estivesse carregando sua arma. Seu próprio filho foi atingido, e tudo o que ele pôde fazer foi atirar-se sobre o corpo do garoto e esperar a morte. Aquele policial me olhou nos olhos e disse "Você tem ideia do quão difícil é viver consigo mesmo depois disso?

Alguns ficariam horrorizados se soubessem que esse policial estava na igreja armado. Eles o chamariam de paranoico e provavelmente o admoestariam. Ainda assim, esses mesmo indivíduos ficariam enfurecidos e pediriam que "cabeças rolassem" se descobrissem os air bags de seus carros estavam defeituosos, ou que o extintor de incêndio nas escolas de seus filhos não funcionavam. Eles podem aceitar o fato que fogo e acidentes de trânsito podem acontecer e que devem haver medidas de segurança contra eles.

A única resposta deles ao lobo, no entanto, é a negação, e, frequentemente, sua única resposta ao cão pastor é a chacota e o desdém. Mas o cão pastor pergunta silenciosamente a si mesmo "Você tem ideia do quão duro seria viver consigo mesmo se seus entes queridos fossem atacados e mortos, e você ficasse ali impotente porque está despreparado para aquele dia?"

É a negação que transforma as pessoas em ovelhas. Ovelhas são psicologicamente destruídas pelo combate porque sua única defesa é a negação, que é contra produtiva e destrutiva, resultando em medo, impotência e horror, quando o lobo aparece.

A negação mata você duas vezes. Mata uma, no momento da verdade, quando você não está fisicamente preparado: você não trouxe sua arma, não treinou. Sua única defesa era o pensamento positivo. Esperança não é uma estratégia. A negação te mata uma segunda vez porque mesmo que você sobreviva fisicamente, você fica psicologicamente destroçado pelo seu medo, impotência e horror na hora da verdade.

Gavin de Becker coloca dessa maneira em "Fear Less", seu soberbo livro escrito após o 11/Set., leitura requerida para qualquer um tentando entender a atual situação global: "... a negação pode ser sedutora, mas ela tem um efeito colateral insidioso. Apesar de toda a paz de espírito que aqueles que negam a realidade supostamente alcançam por dizerem que as coisas não são tão sérias assim, a queda que eles sofrem quando ficam cara a cara com a violência é muito mais perturbadora."

A negação é uma situação de "poupe agora pague mais tarde", uma enganação, um contrato escrito só em letras miúdas. A longo prazo, a pessoa que nega acaba conhecendo a verdade em algum nível.

Assim, o guerreiro deve lutar para enfrentar a negação em todos os aspectos de sua vida, e preparar-se para o dia em que o mal chegará.

Se você é um guerreiro que é legalmente autorizado a carregar uma arma e você sai sem levar essa arma, então você se transforma em uma ovelha, fingindo que o homem mau não virá hoje. Ninguém pode estar ligado 24 horas por dia, 7 dias por semana, a vida inteira. Todos precisam de tempo de repouso. Mas se você está autorizado a portar uma arma e você sai sem ela, respire fundo e diga para si mesmo:
"BÉÉÉÉÉÉÉ..." 

Essa história de ser uma ovelha ou um cão pastor não é uma questão de sim ou não. Não é um tudo ou nada. É uma questão de degraus, um continuo. De um lado está uma desprezível ovelha com a cabeça totalmente enfiada na terra, e no outro lado está o guerreiro completo. Poucas pessoas existem que estão completamente em um lado ou outro. A maioria de nós vive no meio termo. Desde 11 Set, quase todos na América deram um passo acima nesse continuo, distanciando-se da negação. A ovelha deu alguns passos na direção de aceitar e apreciar seus guerreiros, e os guerreiros começaram a tratar seu trabalho com mais seriedade. O grau para o qual você se move nesse continuo, para longe da "ovelhice" e da negação, é o grau no qual você estará preparado para defender-se e a seus entes queridos, fisicamente e psicologicamente, na hora da verdade. 

Operação de cinema e uma ação bem sucedida da PM

Fotos: Cedidas

Bandidos protagonizaram, nesta quinta-feira (30), uma cena policial daquelas de cinema. Tiros, perseguição, helicóptero, mais tiros, resgate em pleno mangue e mortes. Por sorte, não morreram inocentes. Quatro homens apontados pela polícia como traficantes e sabe-se lá mais o que, foram beleados e acabaram morrendo no hospital, depois de serem resgatados de dentro do mangue no bairro das Quintas. A operação da Polícia Militar foi bem sucedida e merece parabéns. Não cabe a imprensa só criticar o errado.

Os policiais do Batalhão de Operações de Choque são, talvez, os mais bem preparados da instituição, ao lado dos que compõe o BOPE e Rocam. E, por isso, dificilmente criminosos conseguem escapar deles. Não foi diferente na operação desta quinta-feira.

A maior burrice de um bandido é achar que pode bater de frente com policiais de companhias especiais, como o BPChoque. Achar que atirar contra PMs vai intimidá-los é um erro. Se eles ali estão, colocando o peito e cara no combate à bandidagem, é porque a ação e adrenalina os motivam. Então, amigo, ou se entrega por bem ou...

A operação desta quinta deve ser tida sim como bem sucedida, não porque quatro criminosos morreram, mas porque uma boca de fumo foi fechada, três pistolas, quatro revólveres, dois coletes balísticos, maconha e crack foram apreendidos. E, além disso, outros dois suspeitos foram presos.

Mais que isso, a operação foi bem sucedida pela coragem e rapidez dos policiais na caçada aos suspeitos dentro do mangue. Pelas fotos dos bandidos com os corpos completamente cheios de lama, percebe-se o quão difícil foi essa perseguição. Portanto, caros leitores, vamos aplaudir a ação da Polícia Militar, porque só assim estaremos mostrando aos bandidos que eles não têm a força que pensam ter.

 Por Thiago Macedo/Portal BO

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

PM confirma quatro mortos e dois presos durante operação em Natal

Do G1 RN
Material apreendido pela PM nesta quinta em Natal
(Foto: Divulgação/Polícia Militar do RN)

A Polícia Militar confirmou a morte de quatro suspeitos de tráfico de drogas durante uma operação do Batalhão de Choque na tarde desta quinta-feira (30) no bairro das Quintas, na Zona Oeste de Natal. O major Marlon de Gois, subcomandante do BPChoque, informou ainda que dois homens foram presos.

Os PMs apreenderam quatro revólveres, três pistolas, dois coletes a prova de bala, máscaras e drogas. De acordo com o BPChoque, os suspeitos tentaram fugir pelo mangue e reagiram com tiros quando foram abordados pelos policiais.

A ação recebeu apoio do helicóptero Potiguar I, da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Rio Grande do Norte. A aeronave deu apoio nas buscas e na retirada dos corpos do mangue.

O tenente-coronel Dancleiton Pereira Leite, comandante do BPChoque, conta que a operação visa a redução do tráfico de drogas na comunidade conhecida como Guarita. "Temos mapeadas as áreas de tráfico e realizamos sempre operações de saturação", explica.

ITEP identifica ossada como sendo do estudante raptado em Parnamirim

Foto: Reprodução

O Itep identificou a ossada encontrada em Macaiba, no último domingo (26), como sendo João Marcos de Lima Ribeiro, de 18 anos. O estudante estava desaparecido desde o dia 16 desse mês, quando foi raptado em uma escola de Parnamirim.

Apesar do avançado estado de decomposição em que se encontrava o corpo, foi possível fazer a coleta das impressões digitais. "Nós fizemos uma incisão em um dos dedos, hidratamos a pele, e depois de coletada a digital foi feito o confronto com as marcas do registro civil dele", disse a necropapiloscopista Rosely Costa.

Segundo o necropapiloscopista Francisco Canindé, a identificação só foi confirmada depois de diversas comparações de pontos da digital. "São analisadas todas as marcas possíveis. É preciso um número razoável de coincidências para confirmar a identificação do cadáver", pontuou.

Fonte: Portal BO

Operação resulta em tiroteio, perseguição e duas pistolas da PM são apreendidas

Fonte e Foto: Sérgio Costa / Portal BO

A Polícia Militar realiza uma operação na tarde desta quinta-feira (30), nas Quintas. Policiais do Batalhão de Operações de Choque foram até uma casa onde funcionava um ponto de venda de drogas e, chegando lá, foram recebidos a tiros por criminosos. No tiroteio, os bandidos fugiram pelo mangue e informações extraoficiais dão conta que um deles estaria ferido.

No local, os policiais apreenderam duas pistolas pertencentes à Polícia Militar, bem como um revólver e uma quantidade de maconha ainda não divulgada. A ação se deu na rua Rio Potengi. Após a abordagem e com a fuga dos criminosos, o BPChoque solicitou reforço para tentar encontra-los.

O helicóptero da Secretaria de Segurança Pública auxilia as equipes em diligências para tentar encontrar os suspeitos no mangue.

PF cumpre mandados em empresa de inglês ex-presidente de clube no RN

Do G1 RN
Foram cumpridos mandados de busca e apreensão na empresa EcoHouse
(Foto: Henrique Dovalle/G1)

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (30) a Operação Godfather visando apurar crimes de lavagem de dinheiro, sonegação fiscal, crimes tributários e formação de quadrilha atribuído a uma empresa do ramo imobiliário que patrocinava uma agremiação futebolística em Natal e outra na Itália.

As investigações tiveram início em agosto deste ano após informações do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF) de que havia um esquema de lavagem de dinheiro através do qual uma suposta quadrilha com sede na capital potiguar captava recursos de particulares no exterior com promessa de ganhos na ordem de 12% a 20% ao ano, sendo que o investimento nunca era devolvido.

A PF apurou que somente no mercado de Cingapura foram lesados pelo grupo cerca de 2 mil investidores, sendo que cada cota vendida naquele país equivalia a 46 mil dólares. No Rio Grande do Norte, estão sendo cumpridos 9 mandados de buscas, sendo 8 na capital e 1 na praia de Pipa, no município de Tibau do Sul, além de 1, na cidade de Fortaleza, no Ceará.

Nesta operação, a PF utilizou 50 policiais e contou ainda com a participação de 12 fiscais da Receita Federal. O nome “Godfather” é uma alusão ao principal investigado e presidente do grupo que foi apelidado pela imprensa potiguar de “O Poderoso Chefão”.

Policial militar fica ferido após troca de tiros com bandido em Macaíba

190RN/Mapa dos Blogs
Tiro não atravessou o para-brisa, no entanto, o militar ficou ferido no rosto por causa dos estilhaços do vidro.

Um policial militar, identificado como cabo Eduardo, ficou ferido após troca de tiros com um bandido na manhã de hoje (30) em Macaíba, na Grande Natal. A polícia estava passando pela rua do Coite, indo em direção a casa de um outro PM, quando foram informados que um homem em uma bicicleta teria acabado de roubar um aparelho celular de uma mulher.

A polícia se aproximava do bandido, quando ele atirou duas vezes em direção dos militares. Os tiros pegaram no para-choque e no para-brisa, na altura da cabeça de um dos agentes, que revidaram os disparos. Apesar do revide dos policiais, o suspeito abandonou a bicicleta e conseguiu fugir pulando o muro de algumas casas. 

O tiro não atravessou o para-brisa, no entanto, o militar ficou ferido no rosto por causa dos estilhaços do vidro.

Fonte: No minuto

Ex-presidiário é morto com tiro na cabeça em Mossoró

Fim da Linha/Mapa dos Blogs
A perícia foi realizada e constatou que a vítima foi atingida com um tiro na cabeça.

Um homem foi morto a tiros na manhã de hoje (30), no bairro Abolição IV, em Mossoró, região Oeste do estado. A vítima foi identificada como Daniel Bezerra Varela ‘Pichilingue’, de 22 anos. De acordo com a polícia, dois bandidos chegaram em uma motocicleta, efetuaram vários disparos contra o jovem, e, fugiram em seguida.

Segundo a polícia, Daniel estava entrando na porta de casa, quando a dupla chegou em uma motocicleta e disparou contra ele. A vítima teria saído a pouco tempo da cadeia, onde cumpria pena por tráfico de drogas.

A perícia foi realizada e constatou que a vítima foi atingida com um tiro na cabeça.

Fonte: No minuto

Caso Maria Luíza: Justiça adia julgamento de acusados por morte e estupro de adolescente

A juíza Eliana Alves Marinho adiou o júri dos dois acusados pelo estupro e morte da adolescente Maria Luíza Fernandes Bezerra, crime que ocorreu em abril de 2009. O motivo para o adiamento do julgamento, que ocorreria hoje (30), foi a renúncia ao caso do advogado Marcos Alânio Martins, que defende o réu Thiago Felipe Rodrigues Bezerra, o Thiago Cabeção. A nova data para o júri será o dia 19 de novembro.

Humberto Sales

Faixas foram posicionadas na área externa do fórum

Contando com um fórum lotado e grande expectativa para o início do júri, que tem Thiago Felipe Rodrigues Bezerra e Kleisson de Souza Freitas da Silva, o “Negão, como réus, a juíza informou logo no início da sessão sobre o pedido do afastamento do advogado de Thiago Cabeção. A magistrada não explanou os motivos alegados para que Marcos Alânio deixasse o caso, mas deu o prazo de 10 dias para que Thiago cabeção indique novo defensor.

Além da informação sobre o adiamento do júri, dois boletins de ocorrência registrados pela mãe de Maria Luíza, Rosilene Fernandes Bezerra, foram acostados ao processo. As denúncias dizem respeito a supostas ameaças de morte sofridas pela mãe da vítima. 

Humberto Sales

Kleisson de Souza Freitas da Silva (E) e Thiago Felipe Rodrigues Bezerra são os réus do caso

Apesar de marcado para o dia 19 de novembro, ainda não há a confirmação se o júri vai ocorrer em Natal. Está sob análise do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte um pedido da defesa dos réus para que o júri ocorra em outra cidade. A alegação é que, por ter sido um crime que teve grande repercussão e mobilizou a opinião pública, o júri poderia ser influenciado pela comoção que o caso gerou. Na hipótese de ser aceito, o júri deverá ocorrer em outro município.

O crime

A estudante Maria Luiza desapareceu na noite do dia 21 de abril de 2009 após sair da casa do namorado no bairro Bom Pastor, zona oeste de Natal. Segundo a polícia, Kleisson e Thiago Felipe abordaram e sequestraram Maria Luíza, entre 19h30 e 20h30, na avenida Mor Gouveia, no bairro do Bom Pastor. Os dois teriam usado um veículo Gol de cor branca. Seu corpo só foi encontrado seis dias depois, em um matagal no Jardim América.

Humberto Sales

População compareceu para acompanhar o júri

No laudo realizado pelo Instituto Técnico Científico de Polícia (Itep) foi confirmada que a morte foi causada por estrangulamento, após abuso sexual da vítima. Ainda ficou comprovado o “vilipêndio” do cadáver. Os assassinos introduziram um galho de árvore na vagina da vítima antes de ocultar o corpo.

Segundo as investigações, os acusados assediavam a adolescente, que não correspondia às investidas. Diante das recusas de Maria Luíza, os acusados sequestraram a menina e a levaram para a casa de um deles (Kleisson), no conjunto Jardim América, local onde os abusos sexuais aconteceram, além das agressões e do homicídio. Em seguida, o corpo foi transportado até um lixão, onde foi enterrado após maus tratos.

Denúncia

Em dezembro de 2012, o Ministério Público entregou a denúncia contra os acusados após as investigações em conjunto com a Polícia Civil apontarem Thiago e Kleisson como responsáveis pela morte da estudante. Segundo a denúncia, a dupla sequestrou, estuprou e assassinou a adolescente.

Emanuel Amaral

Rosilene Bezerra, mãe de Maria Luíza, pede condenação dos réus

Thiago Felipe Rodrigues Pereira foi denunciado por homicídio, sob as qualificações de motivo torpe, asfixia e em uma emboscada. Além disso, a denúncia prevê o enquadramento dele em sequestro e cárcere privado com fins libidinosos e contra adolescentes, roubo, vilipendiação e ocultação de cadáver, estupro com lesão grave e crime de uso de violência ou grave ameaça para tentar coagir testemunhas.

Contra Kleisson de Souza Feitas da Silva, as acusações são as mesmas, com exceção da coação de testemunhas. A denúncia também coloca que ambos cometeram os crimes em um igual nível de competência.

Fonte: Tribuna do Norte